Jejum Intermitente

Quem tem pressão alta pode fazer jejum?


O Jejum Intermitente já conquistou adeptos de todo o mundo por conta de seus vários benefícios para a nossa saúde. E frequentemente são lançados resultados de estudos científicos que comprovam estes benefícios aos usuários do método. Uma destas pesquisas é a realizada por estudiosos de uma Universidade da Inglaterra, a Surrey, que apontou que o Jejum Intermitente pode reduzir a pressão arterial, além de diminuir o colesterol. Portanto, vamos descobrir se Quem tem pressão alta pode fazer jejum?


Quem tem pressão alta pode fazer jejum?

Saiba que o estudo da universidade Surrey, envolveu 27 indivíduos com excesso de peso e que realizaram o jejum intermitente por um período de dois meses.

O planejamento do estudo foi feito da seguinte maneira:

  • Os voluntários se alimentavam como de costume por cinco dias, e no restante da semana, eles diminuíam o consumo calórico para 600.
  • Já o outro grupo da pesquisa diminuiu as calorias por dia para 1400 calorias para as mulheres e 1900 para os homens.
  • A pesquisa tinha como objetivo analisar como o jejum intermitente poderia mudar a forma como o nosso organismo consegue metabolizar os açúcares e gorduras no sangue.
  • Após 59 dias, foi identificado que o grupo que realizou o jejum perdeu ao menos 5% do seu peso e 9% das taxas de pressão arterial.
  • Já o grupo que realizou o consumo de menos calorias requereu de mais tempo para atingir um resultado similar com a do primeiro grupo. Após 73 dias, o grupo perdeu 5% do seu peso e 2% da pressão arterial.
  • Os níveis de colesterol também se destacaram no grupo que praticou o jejum, que teve a taxa reduzida mais rápida em comparação com o outro grupo.

Os estudiosos acreditam que o jejum tem a capacidade de atuar na prevenção do aparecimento de doenças cardiovasculares, por ter conseguido agir na redução significativa da pressão arterial e do colesterol. Ou seja, o Jejum Intermitente pode ajudar quem sofre de hipertensão.

Considerações importantes

Embora o Jejum Intermitente traga tantos benefícios, como a redução da pressão arterial, quando praticado da forma incorreta ou sem a orientação adequada de um profissional da saúde, pode levar a problemas graves, como hipoglicemia e fraqueza, por exemplo.

Por isso, especialmente se tiver problemas com pressão arterial ou qualquer outra condição pré-existente, consulte sempre um médico antes de iniciar qualquer dieta.

SAIBA AQUI COMO COMEÇAR O JEJUM INTERMITENTE

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.